ethnic businessman shaking hand of applicant in office

Quando deves contratar novos funcionários?

Web Design

Table of Contents

A contratação de novos funcionários é uma parte importante do crescimento da tua empresa, mas quando deves contratá-los? Quantos deves contratar de uma vez? Quais as qualidades que são mais importantes num funcionário? Embora a contratação de novos funcionários possa ser muito empolgante, também é importante saber como conduzir o processo e garantir que a tua empresa beneficiará com as novas adições. Aqui estão algumas coisas a serem consideradas ao decidir contratar novos funcionários.

Antes de contratar pessoas, certifica-te que a tua empresa está pronta

Para ter um negócio, há muito em que pensar. Se estás a pensar em contratar funcionários, é importante pensar se a tua empresa está ou não pronta para essa etapa. Como acontece com a maioria das coisas nos negócios, o tempo é fundamental. Quando deves contratar outra pessoa para a tua equipa?

A resposta depende de vários fatores, mas há perguntas que precisas de fazer a ti mesmo: 1) Já não consigo fazer BEM o trabalho sozinho? 2) Os atuais colaboradores já não conseguem fazer BEM o seu trabalho no horário normal? Estas 2 perguntas respondem a: “Tenho trabalho suficiente para outra pessoa?”

Seguidamente mais 2 questões importantíssimas: 1) Tenho a Visão e Missão da empresa bem consolidadas? 2) Os atuais colaboradores e os próximos estão em sintonia com os meus Valores morais, de ética e trabalho? Estas perguntas vão responder a: Posso dar-lhe boas condições de trabalho e o novo colaborador sentir-se-á bem para poder produzir?

E claro, se tens um orçamento, já consegues acompanhar os teus números de forma corrente, pelo que consegues determinar se: tens orçamento suficiente para um novo colaborador?

Quais são os objetivos da tua empresa?

Uma das tuas primeiras perguntas deverá ser: Quais são os objetivos da minha empresa para o período atual e até os próximos 5 anos? Deves ser capaz de responder de forma rápida, sinal que também será fácil para quem lideras, reconhecer e interiorizar essa Visão.

Se tens o processo bem definido, divulgado e interiorizado, será fácil saberes para onde estás a ir. O passo seguinte será as metas (e os meios) a que te vais propondo para descobrir como chegar lá e de quantas pessoas precisarás, quais as ferramentas e o formato para o concretizar. Vamos exagerar e dizer que que a tua meta seja passar de 10.000 para 20.000 clientes em um ano e isso significa adicionar cerca de 18 novos clientes por dia. Faz cálculos rápidos – isso é possível com apenas 10 funcionários? Se não for, quantos colaboradores necessitarias? Os teus processos de automação são suficientes para captar e reter os contactos que apareçam sem necessidade de contactos humanos?

Contratar funcionários não é demasiada confusão?

A tecnologia transformou a forma como as empresas são administradas de várias maneiras, mas uma área que não sofreu tantas mudanças são os recursos humanos. A maioria das organizações depende de sistemas e estratégias desatualizadas quando se trata de contratação, demissão e gestão de funcionários. Aqueles que desejam contratar novos funcionários não precisam ir além da própria caixa de entrada de e-mail. Os aplicativos de e-mail são incrivelmente sofisticados hoje em dia – então, por que não usá-los para mais do que apenas comunicar com colegas de trabalho? Se criares um modelo de e-mail padronizado que é usado em toda a tua organização cada vez que um funcionário sai ou entra da tua equipa, isso ajudará a acompanhar as mudanças de pessoal de uma forma muito mais eficiente e garantir que todos os procedimentos de RH necessários sejam realizados de forma rápida e sem problemas. Mantêm-te sempre alerta para potenciais colaboradores futuros, nunca sabes em que momento os conheces, nem quando irás necessitar deles. Não comeces a procurar quando já é demasiado tarde. Tal como os clientes, não manténs potenciais contactos sempre bem atualizados?

Nada substitui a contratação das pessoas certas

As pessoas que trabalham para a tua empresa são a tua empresa. Se te perguntas como contratar novos funcionários, é importante lembrar que a contratação é uma decisão de negócios e todo o colaborador é um investimento. Dito isso, quando e como deves contratar novos funcionários? A resposta rápida: mais cedo ou mais tarde, desde que tenhas feito uma pesquisa adequada sobre quais as funções precisam de ser preenchidas. No entanto, não te esqueças de fazer uma avaliação correta dos candidatos e, se necessário: contactar um gestor de RH ou uma empresa de trabalho temporário já com a indicação que a determinado momento, alguém será contratado após período de experiência positivo.

Contratar Funcionários vs Estagiários

Quando se trata de contratação, é importante determinar se uma vaga de emprego se destina a um funcionário ou estagiário. Um estagiário ajuda o teu negócio a crescer de várias maneiras, e é também ajudado por ele: ele obtém uma valiosa experiência prática, aprende sobre um campo que deseja seguir e expõe-te a candidatos que podes considerar contratar assim que obtiverem o diploma, bem como a novas perspetivas e ideais para que a tua empresa se encontre sempre na vanguarda. Então, quando deves contratar estagiários em vez de funcionários?

Quando deves contratar um estagiário em vez de um funcionário?

Se procuras acrescentar algum poder de fogo ao negócio, uma força disruptiva, mas não te queres comprometer muito, considera contratar um estagiário em vez de um funcionário. Outra das vantagens para contratar um estagiário é a possibilidade de passagem de conhecimento. Poderás também aceder a programas de apoio à inclusão e contratação de estagiários, como o programa ATIVAR.pt do IEFP. Portanto, em suma, se tens uma pequena empresa com um orçamento de contratação limitado, mas adoras ensinar e aprender com os outros, considera contratar um estagiário profissional!

Gostaste? Partilha!