person holding white and blue business paper

Tipos de empreendedorismo – Qual é o teu? – PARTE 2

Web Design

Table of Contents

Conforme prometido, hoje tenho para ti mais dois tipos de empreendedorismo. Não viste o último artigo? Então subscreve a newsletter para ficares sempre a par!


Empreendedorismo Franqueado ou de Franchising

Por vezes, correr riscos é assustador. No entanto, o começo de um empreendimento próprio requer muita pesquisa, tempo e investimento, para crescer no mercado. Por este motivo, é mais confortável fazer parte de uma grande marca, mas tendo o seu próprio negócio.

É portanto este propósito que serve o empreendedorismo franqueado. Já possuem assim uma identidade própria e uma posição no mercado; a marca tem um mindshare relevante e, acima de tudo, todo o modus operandi está definido. Basta então o empreendedor pagar a franquia e gerir o seu negócio chave-na-mão.

Um exemplo

Decerto o mais relevante exemplo deste tipo de empreendedorismo seja a McDonald’s. Este restaurante existe, com efeito, em quase todo o mundo, na grande maioria das cidades. Isto deve-se ao facto de os restaurantes McDonald’s serem franqueados. Quando alguém pretende abrir um restaurante McDonalds, primeiramente paga uma franquia ao grupo-mãe. Este grupo vai então disponibilizar todas as infraestruturas necessárias para o lançamento e manutenção do negócio, mantendo, no entanto, a coesão com a marca.

Também o Starbucks funciona como franquia. Um dos maiores atrativos de ser franqueado Starbucks é o excelente branding e marketing desta marca, que conseguiu já uma legião de fãs, prometendo não apenas a comodidade de beber café, mas também uma experiência de sabores personalizados.

Empreendedorismo franchisado
Photo by ready made on Pexels.com

Empreendedorismo do Conhecimento

É um empreendedor com formação ou conhecimentos específicos que pretende atuar num nicho. Portanto, estão geralmente ligados ao desporto, artes, escrita ou outros domínios científicos. Portanto, são pessoas que não procuram preferencialmente lucro: pretendem principalmente realização pessoal. É o seu constante melhoramento que vai então gerar o lucro.

Um exemplo

Pode-se dizer que este tipo de empreendedorismo é mágico. Que o diga J. K. Rowling. Esta escritora começou a saga Harry Potter enquanto dava aulas de Inglês no Porto. Foi então na livraria Lello e na biblioteca que se escreveram as primeiras páginas. Rowling foi aprofundando o seu ofício, acabando assim por se tornar numa sensação mundial.

empreendedorismo do conhecimento
Photo by Mikhail Nilov on Pexels.com

E tu, descobriste que tipo de empreendedorismo tens nos teus braços? Subscreve a newsletter e recebe informação valiosa para complementar este conhecimento! Podes também habilitar-te a uma consultoria GRATUITA! Segue este link e inscreve-te!

Tens dúvidas? Contacta-me!

Gostaste? Partilha!